A chegada de um bebê é sempre um momento muito esperado por toda a família. Em especial para a mamãe, que além do pré-natal, deve ficar atenta à alimentação na gravidez.

É importante, além do acompanhamento com o médico obstetra, procurar um nutricionista para adequar a dieta.

Afinal, literalmente agora você comerá por dois, e precisa garantir os nutrientes necessários para o desenvolvimento saudável da criança.

Neste post trazemos algumas dicas para alimentação durante a gravidez. Acompanhe!

Consuma derivados do leite

O leite e seus derivados são fundamentais para garantir fontes de ferro e de vitamina B12.

Eles também são importantes fontes de proteína, cálcio e vitamina D. Esses elementos são muito importantes para a formação da estrutura óssea da criança.

Coma carnes magras

O consumo de carnes, em especial a vermelha, é responsável por ajudar na formação dos tecidos epiteliais do bebê. Os nutrientes provenientes desse alimento também ajudam na formação de outros órgãos.

Além disso, as carnes são responsáveis pela reposição de possíveis perdas no organismo da mãe.

A formação de células e do sistema imunológico do bebê também depende da ingestão de carnes.

Inclua legumes, folhas e frutas na alimentação

Esses alimentos também são responsáveis por fornecer boa parte dos minerais e vitaminas indispensáveis para a qualidade da saúde da mamãe e do bebê.

Ricos em fibras, eles têm a função de combater quadros de constipação intestinal, muitos comuns na gestação.

Além disso, têm alto índice de:

  • selênio;
  • ferro;
  • zinco;
  • cálcio;
  • fósforo;
  • flavonóides;
  • fitonutrientes;
  • antioxidantes e várias vitaminas.

Esses elementos são indispensáveis para a correta formação da criança.

Suplementação

Além de ingerir os alimentos citados, a suplementação também pode ser indicada por seu médico obstetra e nutricionista para suprir deficiências do organismo, tanto seu quanto do seu bebê.

Isso acontece porque a formação do feto demanda altas taxas de nutrientes diários.

Os suplementos mais comuns são formados por:

  • micronutrientes como o ômega 3;
  • ferro;
  • ácido fólico;
  • vitamina B12;

A suplementação da vitamina B9, que é o ácido fólico, e a suplementação de ferro, são essenciais para o bom desenvolvimento da criança.

Uma dieta nutricional equilibrada deve levar em conta o estilo de vida de cada pessoa.

Por isso, converse com seu médico obstetra e nutricionista para planejar uma alimentação na gravidez mais adequada para você.

Se você gostou deste post sobre alimentação durante a gravidez, compartilhe nas redes sociais para que mais mulheres possam conhecer mais sobre o tema!